Joaquim Paço d'Arcos

Joaquim Belford Correia da Silva (Paço d'Arcos), neto do primeiro conde de Paço d'Arcos e irmão do segundo Conde, nasceu e faleceu em Lisboa. Conhecido como Joaquim Paço d'Arcos, foi um dos escritores portugueses do século XX mais traduzidos no estrangeiro, tendo alcançado em vida grande notoriedade como ficcionista.

Joaquim Paço d'Arcos foi director dos serviços de imprensa do Ministério dos Negócios Estrangeiros, sob o regime salazarista, durante dezenas de anos, dirigiu o Trans-Zambezia Railway e presidiu à Sociedade Portuguesa de Autores.

Romancista, dramaturgo, ensaísta e poeta, premiado diversas vezes, foi muito lido nos anos 40 e 50. O conjunto de obras que publicou sob o título genérico Crónica da Vida Lisboeta foi considerado por muitos críticos, quer portugueses, quer brasileiros, fundamental no âmbito da literatura portuguesa. Na poesia, o seu livro mais conhecido é Poemas Imperfeitos, de 1952. Após a sua morte, em 10 de Junho de 1979, foi praticamente esquecido.

Nasceu a 14 de Junho de 1908 , Lisboa, Portugal
  Ver livros do autor
 
Sugerir alteração

Sou este autor e quero editar a minha página pública

 

Pedido de edição de página pública Fechar

Para lhe podermos dar acesso à sua página tem de estar registado no site. Se ainda não se registou, por favor registe-se antes de preencher o formulário abaixo.

  Livros do autor

Comentários

Para comentar precisa de estar registado

 
 
 
 
 
Livro adicionado ao carrinho
De momento, este livro não está disponível para encomenda.