O Berço onde Nasci


O Berço onde Nasci

Código do produto: 9789898821546

Envio no prazo de 2 dias úteis, após pagamento

12,00

IVA incluído à taxa legal vigente
Encargos de expedição não incluídos



O Berço onde Nasci

de: Marta David


Sinopse


«Quem vem seguindo o trabalho poético de Marta David reconhece facilmente a marca de água da sua oficina poética. A Marta constrói um universo de palavras e sentidos onde poderemos encontrar a ressonância de algum surrealismo e dos seus processos aglutinadores de ideias e imagens.

Neste novo livro, ela procura recuperar memórias de um passado real e reinventado, uma vez que toda a memória é “mentirosa”, redesenhada, acrescentada, reconstruída. Para essa reconstrução, a Marta pergunta-se que “alfabeto exumar/ da arca dos tesouros ancestrais”. No seu ofício por vezes inquietante de palavras encantadas, ela fala-nos no “branco inquebrável”, na “divina matemática”, no “pecado que é a chave/de uma nuvem casta”.

Encontramos ainda nesta poesia a ressonância de uma espiritualidade de diversas origens expressas numa cavalgada mágica dos seus símbolos maravilhosos e terríveis, falando da “campa de sois antigos”, da “árvore sem idade”, de lúcifer anjos/ castas de obreiros benfeitores e malfeitores/ universo”, mas não se refugiando apenas nos tempos antigos e capaz também de convocar uma nova mitologia ao falar da “morada de email/ do som primordial da criação” e colocando lado a lado “o leopardo nas veias” com “a mão da roda gravada no ADN.”

É encantatória a música desta poesia. Transporta-nos para fora do quotidiano, faz-nos dançar “para além de limites ilimitados”, arrasta-nos através das “sombras do corpo/ embargado pelo nevoeiro”. É uma poesia que exige uma entrega intensa aos seus leitores uma entrega que os deixe despojados à frente da palavra, do verso, do voo sem destino marcado.»

(José Fanha)


 

Informação adicional do produto

ISBN 9789898821546
Data de publicação 28/02/2018
Idioma Português
Formato (fechado) A5 (148 x 210 mm)
Tipo de encadernação Capa mole (brochado) com badanas
N.º de páginas 166
Grafismo da capa Laura Malaquias
Paginação gráfica Alda Teixeira

Também recomendamos

da mesma autora
da mesma autora

Procurar também nestas categorias: Marta David, Edições Vírgula ®, Poesia, Os nossos Livros